BLACK WEEK.. DESCONTOS ATÉ 50%!

Ver mais artigos

Confirma-se: Apple M1 é o novo processador do Mac


O dia é histórico. Os rumores eram vários e confirmam-se. Depois de anunciar o terceiro evento do ano, foram vários os especialistas que acreditavam que o primeiro processador Apple para computadores estava a chegar.

O Apple M1 é o novo chip da marca americana—otimizado, em exclusivo, mas sistemas Mac. Isto significa que só os computadores da marca podem usar este processador.

Marco histórico

Se só agora chegaste aqui—e se ainda não dominas a tecnologia dos computadores—, é importante que saibas o porquê de este ser um marco histórico na evolução tecnológica.

Até hoje, as grandes marcas (incluindo a Apple) usavam (e usam) processadores Intel, outra das gigantes empresas americanas. Desde que o primeiro Macintosh foi lançado, em 1984, os processadores Intel foram sempre incluídos.

Ver que, agora, a Apple dá um passo em frente ao criar o M1 é, sem dúvida, um marco histórico. É o primeiro chip desenvolvido pela empresa para computadores pessoais.

As especificações

Depois de anunciar o iPhone 12, nada fazia prever que a Apple apostasse em mais um (grande) lançamento. O M1 promete a melhor performance de sempre, pronta para receber o macOS Big Sur (a última atualização do sistema operativo para Mac).

Num só chip, o Apple M1 usa uma arquitetura de memória unificada, que permite aceder aos dados guardados sem que se criem outras unidades de armazenamento (desnecessárias). Por outras palavras, isto significa que a performance e eficiência do computador são melhores.

O Apple M1 promete, ainda, os gráficos mais rápidos alguma vez experimentados num computador pessoal. O novo processador da marca potencia, também, a poupança de bateria.

Disponibilidade

O Apple M1 vai estar disponível a partir de 17 de novembro. Os modelos que o incluem, para já, são os novos MacBook Air e MacBook Pro 13''—para além do Mac mini, o CPU portátil da marca.

Mas o céu é o limite. Espera-se, por isso, que a partir de agora todos os computadores pessoais da Apple incluam o M1. Ainda não se sabe, por isso, se o processador vai ser vendido à parte, mas é provável que não.

Por isso, se quiseres experimentar a rapidez de performance do novo chip da Apple, vais mesmo ter de comprar um dos novos portáteis da marca. É possível, no entanto, que o processador também passe a ser usado nos iMac.


Leave a comment


Please note, comments must be approved before they are published